Black Friday: história e curiosidades

Atualizado: Fev 26


Unsplash

O final do ano, cercado de todas as comemorações e eventos - mesmo em tempos de pandemia com certeza vamos dar um jeito de não deixar nada passar em branco - é uma época que as pessoas aguardam com grandes expectativas. E um desses grandes eventos - acredito que assim podemos dizer - é a Black Friday.


A Black Friday é um dos dias mais aguardados do ano por lojistas e consumidores. Teve origem nos Estados Unidos e hoje é adotada em vários países do mundo, como o Brasil. Nos Estados Unidos, o evento acontece tradicionalmente depois do feriado de Ação de Graças e o Brasil e outros países acabaram aderindo à moda.


Seja aqui, nos Estados Unidos ou em algum outro país onde o evento acontece, sem dúvidas o objetivo dos consumidores é o mesmo: garimpar produtos com ótimos descontos.


Curiosidades sobre a Black Friday

  • O termo Black Friday não possui sua origem bem definida. Segundo uma matéria do site Uol, “uma história bastante difundida nos Estados Unidos afirma que a expressão era um apelido usado pela polícia da Filadélfia no início da década de 1990 para o dia seguinte ao feriado de Ação de Graças, que abria temporada de compras de Natal e levava muitas pessoas às ruas, causando a grandes aglomerações e congestionamentos nas ruas da cidade.”

  • Ainda segundo o site, “outra história mais antiga, e bem mais difícil de ser comprovada, associa a Black Friday também a uma crise financeira em 1869. Supostamente, naquela sexta-feira dois especuladores, Jay Gould e Jim Fisk, tentaram tomar o mercado de ouro e acabaram quebrando a bolsa de valores de Nova York. O dia ficou conhecido como Black Friday.”

  • No Brasil, a Black Friday chegou em 2011 com o portal Busca Descontos, e desde então cresce exponencialmente, batendo recorde de vendas ano a ano.

  • No Brasil, O Grupo Boticário anunciou na terça-feira (29) que a empresa não chamará mais de Black Friday o período de descontos e promoções que acontece no final de novembro. A companhia aboliu o termo por sua possível conotação racista — e quer levar outras empresas a repensarem também a origem da expressão.

  • Segundo uma pesquisa realizada pelo site Busca Descontos, quanto as categorias de produtos mais buscados na Black Friday, os segmentos mais procurados pelos consumidores em 2016 foram, respectivamente: eletrodomésticos (22%), eletrônicos (20%), viagens (14%), moda (14%), informática (9%), casa e decoração (5%).

  • As reclamações mais feitas pelos consumidores na Black Friday, são : propaganda enganosa, divergência de valores, problemas na finalização da compra, indisponibilidade de produto, problemas relacionados à promoção e “maquiagem de preços” (a famosa “metade do preço”).

Gostou das curiosidades sobre a Black Friday? Mesmo com alguns problemas e reclamações, o que não se pode negar é que a Black Friday faz sucesso no Brasil e no mundo, fazendo com que inúmeros consumidores se sintam atraídos pelas chamadas promoções relâmpagos. Se for fazer algumas comprinhas em lojas físicas nessa Black Friday, não se esqueça de tomar todos os cuidados sanitários por conta da pandemia, além de aproveitar para pedir um FUI. Rápido, prático e seguro para você levar suas novas aquisições para casa!


Publicado por Fui / Gabriela Castro e Verônica Jellifes

11 visualizações0 comentário

ATENDIMENTO

REDES SOCIAIS

  • Branca Ícone Instagram
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca ícone do YouTube

Copyright @2020 FuiApp. Todos os direitos reservados.